4 LIÇÕES QUE VOCÊ DEVE APRENDER ANTES DE LANÇAR UM SEGUNDO NEGÓCIO

Em alguns aspectos, talvez a maneira mais fácil de construir uma carreira é seguir regras e passar a responsabilidade para o empregador. Mas talvez você não consiga aceitar que seu destino seja moldado para você. Talvez você precise apostar em si mesmo: sua habilidade, paixão e direção. Algumas pessoas são assim, e precisamos dessas pessoas. Os empreendedores assumem riscos que dão origem a negócios e conseguem manter muitas pessoas com empregos remunerados. Eles prosperam ao enfrentar e superar desafios.

 

E embora haja muitos casos em que os profissionais apresentam ideias de negócios isoladas, também é bem comum os empreendedores que almejam por mais depois do sucesso do primeiro negócio.

Buscar mais pode ser ótimo e trazer bons resultados, mas também pode ser desastroso. Tudo depende da forma como você trabalha nisso.

Neste post, vou te ensinar quatro lições que você precisa aprender antes de lançar um segundo negócio.

1. Um bom planejamento é a chave para evitar riscos

Você não pode dispensar um plano de negócio otimizado e apenas contar com a sorte, pois ela não vai durar para sempre. Dedique tempo para fazer um bom planejamento e você estará se preparando para as adversidades.

Quanto mais tempo você dedica ao planejamento agora, menos arriscado será seu segundo empreendimento. Uma vez que o destino de seu segundo negócio terá efeitos indiretos em seu primeiro negócio (potencialmente privando-o de recursos, atenção ou tempo), planejar é necessário para proteger tudo pelo que você tem trabalhado de riscos.

2. A terceirização é essencial para a expansão do seu negócio

Existem muitas pequenas empresas que podem ser administradas com sucesso sem equipes. Dropshipping é um exemplo típico, mas também existem consultorias, serviços de design gráfico e até serviços de desenvolvimento de software.

Apesar das grandes desvantagens, há muito a ser dito sobre fazer tudo sozinho. Você fica com todos os lucros, economiza muito tempo e esforço de recrutamento, concentra-se inteiramente no que está fazendo e evita a dor de cabeça por precisar lidar com o RH. Quando você chega ao ponto de começar um segundo negócio, porém, é arriscado tentar permanecer um solopreneur (empreendedor solo).

É por isso que a terceirização é essencial. Você não precisa lidar com as tarefas que você não está mais adequado para fazer e pode encontrar alguns freelancers confiáveis para aliviar sua carga de trabalho. Isso melhorará imensamente a qualidade do trabalho realizado para essas tarefas e o deixará livre para se concentrar em seu papel como gerente.

3. O esgotamento profissional é um perigo

O esgotamento profissional, ou Burnout,  não é algo a ser considerado levianamente. Não se trata de se sentir um pouco cansado às vezes e precisar de um ou dois dias para se recompor. É trabalhar tanto por tanto tempo (e acumular tanto estresse) que você simplesmente perde a capacidade de suportar sua carga de trabalho normal. Não é permanente, mas é possível ter um Burnout de forma tão intensa que você pode correr  o risco de não sentir mais vontade e desejo de voltar a trabalhar.

Terceirizar tudo, exceto suas tarefas principais, é um grande componente para evitar o esgotamento. Você também precisa aceitar suas limitações. 

Como será quando você tiver gasto toda a sua energia e se afastar de seu papel por um período indefinido de tempo? Controle-se, encontre tempo para relaxar e estabeleça metas razoáveis que não o obriguem a trabalhar muitas horas. Será melhor para você no longo prazo.

4. Não há garantia de que você não irá falhar

Pense em um jogador pela primeira vez entrando em um cassino para jogar roleta. Agora imagine as duas possibilidades a seguir: eles ganham muito na primeira rodada ou perdem e não ganham nada. No primeiro cenário, eles imediatamente têm a sensação de que estão de alguma forma destinados ao sucesso e apostam tudo o que têm no próximo giro. As coisas não acontecem do jeito deles e eles vão embora desanimados.

No segundo cenário, essa perda inicial os lembra de que é um jogo baseado no acaso. Se eles continuarem jogando, eles o fazem sabendo a natureza do risco que estão correndo, e qualquer perda subsequente não irá machucar tanto. Além disso, se ganharem grandes quantias de dinheiro muito rapidamente é mais provável que desistam lá na frente, em vez de ficarem para perseguir quantias ainda maiores.

Isso é relevante no contexto do lançamento de um segundo negócio porque é possível (embora não muito comum) que a primeira tentativa de um empreendedor de negócios seja um grande sucesso. E quando isso acontece, pode levá-los a acreditar que realmente estão destinados à grandeza: uma atitude que pode levá-los a ser petulantes na organização de seu segundo negócio.

Pense na segunda empresa como se fosse a sua primeira

Aqui está a verdade: não importa o que você fez antes, o que você sabe, quais conexões você fez ou o quanto você alcançou, seu sucesso futuro não está garantido. Em vez de colocar todas as suas economias e lucros em seu segundo negócio, trate-o de acordo: reserve algum dinheiro para um orçamento razoável, prove que pode funcionar e, em seguida, invista mais pesadamente.

Depois de ter feito um ótimo trabalho com um negócio, começar um segundo negócio pode ser o movimento natural – mas não pule antes de colocar em prática as lições que aprendeu neste artigo. Certifique-se de que você está totalmente preparado,  em seguida, dê o salto. Isso o ajudará a evitar um desastre!

Se você gostou desse artigo, deixe um comentário abaixo!

Um forte abraço.

José Paulo!

*José Paulo Pereira Silva é Ceo do Grupo Ideal Trends, é casado, pai de três filhos e está nas mídias sociais como @josepaulogit, onde compartilha experiências de vida e modelos de gestão. José Paulo já treinou milhares de pessoas no Brasil e no mundo. Dá dicas sobre leituras, inspiração, negócios, estratégias, marketing, vendas e outros conteúdos relevantes para quem quer se tornar referência no mercado onde atua.

Deseja receber a MELHOR orientação Pessoal ou Profissional GRATUITAMENTE?

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on telegram
Telegram
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

José Paulo Pereira

José Paulo Pereira

José Paulo Pereira Silva, CEO do Grupo Ideal Trends, é um dos maiores empresários no ramo da tecnologia na América Latina. Empreendedor serial e mentor de negócios, José Paulo já formou mais de uma centena de líderes, deu oportunidade a mais de uma dezena de sócios e, por meio de seus direcionamentos, transforma diariamente pessoas simples e dedicadas em empresários de grandes resultados.
advanced divider
Quer transformar sua vida e negócio?

    advanced divider